Prensa Transfer

As prensas transfer são empregues no fabrico de peças de grande série para as quais, devido à sua complexidade, tipo de embutido, desperdício de matéria-prima, etc., não seja recomendado ou não seja possível utilizar moldes progressivos e seja necessário um alimentador-transfer que garanta o transporte das peças entre as diferentes estações de modelação do molde.

Nas prensas transfer são realizadas todas as operações sucessivas para obter uma peça a partir de um formato de chapa previamente cortado ou que é cortado na primeira operação do molde.

Link-Drive

A cinemática de alavancas articuladas permite alterar o movimento normal da excêntrica para se obter uma reduzida velocidade de descida no percurso de trabalho, com uma velocidade mais elevada no resto do ciclo. Este sistema permite melhorar a capacidade das prensas mecânicas para realizar operações de embutido. De forma geral, numa prensa com cinemática “Link-Drive” serão obtidos maiores volumes de produção do que numa prensa normal com excêntricas.

Forças nominais de 1600 KN a 30.000 KN.

Para cada peça a realizar, existem diferentes dimensões de mesa e carro, 2 ou 4 bielas, bem como os acessórios necessários para realizar e otimizar o processo produtivo.